domingo, 15 de janeiro de 2012

F.C.Porto 2-0 Rio Ave. Ao ritmo da chuva....


FC Porto 2-0 Rio Ave FC

Liga 2011/12, 15.ª jornada
14 de Janeiro de 2011.
Estádio do Dragão, no Porto.
Assistência: 24.419 espectadores.


Árbitro: Marco Ferreira (AF Madeira).
Assistentes: José Lima e Nelson Moniz.
Quarto árbitro: Sílvio Gouveia.

FC PORTO: Helton (cap.); Maicon, Rolando, Otamendi e Alvaro; Fernando, Defour e Belluschi; Rodríguez, Hulk e James.
Substituições: Hulk por Kléber (32m), Belluschi por Iturbe (65m) e Rodríguez por Varela (76m).
Não utilizados: Bracali, Mangala, Souza e Alex Sandro.
Treinador: Vítor Pereira.

RIO AVE: Huanderson; Jean Sony, Gaspar (cap.), Jeferson e Tiago Pinto; Bruno China, Wires e Jorginho; Kelvin, João Tomás e Yazalde.
Substituições: Jorginho por Braga (59m), Kelvin por Mendes (70m) e Yazalde por Saulo (79m).
Não utilizados: Paulo Santos, Pateiro, Zé Gomes e Éder.
Treinador: Carlos Brito.

Ao intervalo: 1-0.

Marcadores: James (42m e 80m).

Cartões amarelos: Maicon (49m), Gaspar (53m), Bruno China (61m) e Iturbe (83m)
Cartão vermelho: Rolando (94m).
Os Dragões entraram, este sábado, em campo no Estádio do Dragão, sem Moutinho e Djalma, o primeiro a cumprir castigo e o segundo ao serviço da selecção angolana. Vítor Pereira apostou no belga Defour para o meio-campo e em James Rodríguez, que viria a ser a estrela do encontro, para o ataque.

Na primeira parte, o FC Porto tomou conta do jogo mas pecou pela falta de eficácia na finalização e alguma "dependência" de Hulk para fazer os golos dos azuis e brancos. A formação de Vila do Conde contou apenas com um lance perigoso à baliza de Helton mas o guardião do FC Porto mostrou-se à altura.

O Incrível saiu lesionado do encontro depois de uma jogada de insistência ao minuto 26. O avançado brasileiro ainda regressou ao relvado mas acabou por abandonar o jogo quando o relógio mostrava 30 minutos de jogo. Kléber foi o escolhido para o substituir.

O primeiro golo do FC Porto surgiu ao minuto 42, após bom trabalho individual de James pela direita, acabando por rematar rasteiro, fora do alcance de Huanderson.

Na segunda parte, o FC Porto entrou forte, com várias oportunidades para dilatar a vantagem mas o golo chegaria mais tarde pelo talento de James.

Destaque para a entrada do jovem argentino Iturbe para o lugar de Fernando Belluschi, que chegou a ver um cartão amarelo.

Depois de alguns jogos sem inspiração, James Rodriguez voltou a mostrar serviço na noite chuvosa na cidade do Porto. Perto do minuto 80, o extremo colombiano bisou na partida, selando o marcador.

Antes do apito final, já em tempo de compensação, Rolando viu o cartão vermelho direto por ter derrubado João Tomás à entrada da grande área.



DECLARAÇÕES

Vítor Pereira: “Quero é títulos!”:

Qualidade e precipitação
“Houve alturas em que circulámos a bola com qualidade e outras em que jogámos de forma precipitada, mas é natural que a tranquilidade não fosse a maior depois de uma semana em que perdemos a liderança.”

Resultado escasso
“Fiquei satisfeito com a entrega, a espaços com a qualidade do jogo, até porque criámos situações mais do que suficientes para conseguirmos um resultado mais amplo e confortável.”

Excelente James
“O James não é um ala puro, é um jogador que produz mais a jogar entre linhas e que tem muita qualidade em termos de tomada de decisão. Hoje fez mais um excelente jogo.”

Até ao fim
“Este é um campeonato competitivo, que vai disputar-se até ao fim. Vamos atrás daquilo que pretendemos, que é o primeiro lugar. Há equipas com qualidade para sonhar com o título e aquela que for mais regular tem mais probabilidades de o conseguir.”

Recordes para segundo plano
“Prefiro deixar os recordes para segundo plano e conquistar títulos. Quando entrámos para este jogo, fizemo-lo a pensar nos três pontos. O que eu quero é títulos.”

18 comentários:

Anónimo disse...

SOMOS PORTO!

Anónimo disse...

A vitória é que interessa mais nada!
FCPORTO ALLEZ!

João P.

DRAGÃOINVICTO disse...

ATÉ AO NASCER DE UM PRÓXIMO DESAFIO, NOS MANTEMOS INVENCIVEIS.. PORTO ALLEZ!!

Daniel Peras disse...

Tudo se resume no fundo, a mais uma vitória do nosso FCPorto e estamos há 54 jogos sem perder para o campeonato!

abraço

Anónimo disse...

Porto comanda!

João

Pedro Lx disse...

Ganhamos e com justiça, ponto!

Temos que melhorar,sim.

Fernando enorme!

arbitro sem "influência", mas sem respeito e a tentar...

Venha o proximo

Anónimo disse...

Boa tarde caro Tiago!

Só tenho uma questão a colocar...
O golo invalidado ao Porto, foi bem anulado?!?! É que eu estive no estádio e nem me apercebi, porquê é que o árbitro anulou o golo... ter-nos-ia dado a tranquilidade mais cedo!

Um Portista do norte Victor Pinheiro.

Anónimo disse...

O DEZ está lá : JAMES.

O ponta de lança é que dava um Jeitão um de bom nivel e alguma experiencia.
KLEBER é jovem,tem qualidade,mas falta-lhe experiencia ( e a equipa também não o tem ajudado) .
PRECISA de TEMPO.

Anónimo disse...

ALLEZ PORTO ALLEZ!

antonio disse...

Faltou sem dúvida o brilho ao Futebol Clube do Porto!

Armando da Rocha disse...

O FCPorto fez um bom jogo, controlo de bola acima de tudo, e tentar chegar à baliza do Rio poderíamos ter goleado mas o que importante é que temos os 3 pontos!

Anónimo disse...

SOMOS PORTO!

Anónimo disse...

PORTO!

Flechamente disse...

O FCPorto merecia sem dúvida os três pontos!

Anónimo disse...

O FCPORTO GANHOU MAIS UM JOGO O QUE É MUITO IMPORTANTE, MAS CONTINUA A PRATICAR UM FUTEBOL QUE NÃO NOS FAZ VIBRAR COMO TODOS NÓS ESTAMOS HABITUADOS A VÊR, E TAMBEM GOSTAVA IMENSO DE VÊR UM PONTA DE LANÇA GOLEADOR TIPO: LISANDRO LOPEZ OU FALCÃO QUE TANTAS SAUDADES DEIXARAM NESTE FCPORTO!!! UM GRANDE ABRAÇO A TODA MALTA PORTISTA E É CLARO BIBÓ Ó PORTO CARAGO!!!

OrgulhoAzul disse...

Vai se ver no final e tudo se resume no vitória!

QUEREMOS A LIGA! QUEREMOS A TAÇA DA LIGA! QUEREMOS A UEFA EUROPA LEAGUE!

James disse...

Grande FCP!

Nuno Araújo disse...

Foi sofrida a vitória do Porto é verdade.

Vão ao meu blogue.

http://azul-branco-azul.blogspot.com/

Um abraço de um grande portista.