domingo, 8 de fevereiro de 2009

FCPorto 1-1 SLBenfica

assistência: 50.110 espectadores.

árbitros: Pedro Proença (Lisboa), Tiago Trigo e Ricardo Santos; João Capela.

FC PORTO: Helton; Fucile, Rolando, Bruno Alves e Cissokho; Lucho «cap», Fernando e Raul Meireles; Lisandro, Hulk e Rodriguez.
Substituições: Raul Meireles por Mariano (65m) e Lisandro por Farías (87m).
Não utilizados: Nuno, Pedro Emanuel, Stepanov, Guarin e Tomás Costa.
Treinador: Jesualdo Ferreira.

SL BENFICA: Moreira; Maxi Pereira, Luisão «cap», Sidnei e David Luiz; Ruben Amorim, Yebda, Katsouranis e Reyes; Aimar e Suazo.
Substituições: Suazo por Di Maria (61m), Reyes por Nuno Gomes (86m) e Aimar por Carlos Martins (90m).
Não utilizados: Quim, Cardozo, Binya e Jorge Ribeiro.
Treinador: Quique Flores.

disciplina: cartão amarelo a Fernando (50m), Maxi Pereira (51m), Katsouranis (63m) e Yebda (70m).

golos: Yebda (45m) e Lucho (72m, g.p.).


6 comentários:

bLuE bOy disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
dragao vila pouca disse...

Desilusão, desencanto e frustração.

Mais uma vez em casa, o F.C.Porto ficou aquém das expectativas e foi incapaz de ganhar um jogo. E não ganhou porque tem dificuldades em jogar ao ataque, em ter bola, em controlar a partida. Se no melhor período marca...ainda consegue ganhar, mas se isso não acontece, é um futebol que vive à base de fogachos, ora de Hulk, ora de Rodríguez, porque Lisandro é uma sombra do jogador que encantou na temporada passada.
Depois, Jesualdo a ver que o Benfica tinha clara superioridade numérica no meio-campo, nunca corrigiu, deixou que a equipa de Quique jogasse à vontade - Moreira não teve nenhum trabalho -, controlasse, dominasse e mesmo depois do empate, não forçou à procura da vitória, parecendo conformada e amedrontada, contentando-se em não perder.

Enfim do mal o menos e continuamos a liderar, mas desperdiçamos uma oportunidade de dar uma machadada fatal nos rivais de Lisboa.

Sobre Proença, é preciso dizer que ficou um penalti claro sobre Lucho com o resultado em 0-0, que a ser marcado e convertido, podia dar origem a um jogo totalmente diferente.

Um abraço

José Campos disse...

ontem tivemos 1 boa oportunidade de alargar a vantagem pros 2 rivais.
fizemos uma primeira meia hora muito boa onde tivemos boas oportunidades de golo mas apartir dai o jogo foi equilibrado.
na primeira parte exite um penalti por marcar a nosso favor numa falta sobre o lucho.
o penalti a nosso favor é burrice do yebda... já vi marcarem penaltis a favor dos mouros por muito menos!
continuamos na frente e o resto é conversa.
o fc porto a jogar em casa joga menos do que a jogar fora e este ano os resultados o demonstram.
abraço

a nação azul e branca

Vitor Daniel disse...

Foi um jogo bom, o F.C.Porto mais uma vez não soube marcar golo e o Benfica marcou através de uma grande falha da defesa, há que reteficar isso, depois precisamos de alguém que marque golos, ainda niguem do F.C.Porto viu, Nene do Nacional, Meyong e Renteria no Braga?, enfim continuamos na mesmo em primeiro e estamos jogo a jogo cada vez mais perto do Titulo.
Um Abraço, http://varanda-do-dragao.blogs.sapo.pt

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.