sexta-feira, 19 de outubro de 2012

F.C.Porto - Futebol SAD, apresenta prejuízo de 35,734 milhões em 2011/2012


Após vários anos de lucros, a F.C.Porto - Futebol SAD, deu prejuízos, em 2011/2012, de 35.734 milhões de euros. Aqui fica o Relatório e Contas 2011/2012, mas também podem ver o Relatório do 3º Trimestre e em particular esta parte:

«À data de elaboração deste relatório, o FC Porto já conquistou o título de campeão nacional, garantindo assim o acesso à UEFA Champions League, com os consequentes benefícios a nível financeiro. No entanto, com base nos resultados acumulados obtidos no 3º trimestre de 2011/2012, perspectiva-se a necessidade da FC Porto – Futebol, SAD efectuar um valor relevante de mais valias de transferências, para que a sociedade consiga atingir um resultado positivo no final do exercício. A venda do atleta Fredy Guarin ao Inter de Milão por 11 milhões de euros, ocorrida já após o fecho do 3º trimestre, pelo que não integra as contas aqui apresentadas, vem dar um importante contributo para o equilíbrio do orçamento da sociedade.» 

A conjuntura económica explica este resultado, que ainda não contabiliza as transferências de jogadores como Hulk e Alvaro Pereira, que farão com que já no primeiro trimestre da nova temporada a SAD apresente resultados francamente positivos.

A SAD do FC Porto vinha, recorde-se, de um período de cinco anos consecutivos a apresentar lucros.

23 comentários:

Anónimo disse...

O clube está em falência técnica e existem motivos evidentes para ficarmos preocupados...

Anónimo disse...

só um pequenino esclarecimento a marca "FC porto" nao está á venda em pacotes promocionais dos hipermercados continente...a marca fcporto é uma marca de qualidade, a marca fc porto quando chega ás finais ...GANHA
A marca fcporto tem qualidade e a qualidade paga-se , quer seja em épocas de crise ou abastanca.Vamos deixar as coisas do marketing que é uma ciencia para quem sabe...

Emanuel disse...

Como as vendas de Hulk e Alvaro Pereira ainda não foram consideradas nessas contas as coisas não são muito preocupantes.

Mas é preciso atenção as gorduras em tudo que é FCP pois a crise vai durar.

E prioridade absoluta para a eficácia na formação e prospecção.

Anónimo disse...

Isto era esperado pois houve um forte investimento na época anterior com jogadores para o futuro, e a qualidade esta a vista, Alex Danilo, defour mangala... Possivelmente foi o maior orçamento da história do clube e do futebol português. No entanto a venda do falcão e paga em parcelas o que não equilibrou o forte investimento. Porém o Porto este ano apenas teve que contratar cirugicamente e aproveitou para limpar a casa e com e com isso a sua forte massa salarial, fez algum encaixe com excedentarios como e do conhecimento e ainda rentabilizou A.Pereira e Hulk ainda que este será como falcão mas não deixa de ser garantia para 3 épocas uma vez q o pagamento e faseado. Em suma não estou assustado com os números pois depende sempre do tíming e se continuarmos com a boa campanha na chanpions para o próximo relatório o clube estará de novo com saúde financeira, como a UEFA vai requerer. Uma coisa vai mudar certamente as contratações serão cirúrgicas e terá q se apostar mais nos jovens valores q o plantel tem como Iturbe kelvin e outros q possam vir da B. Importante mesmo e seguir o rumo das vitorias como ate aqui tem sido e com isso ter credito bancario e fair play financeiro. Grande abraço a todos os portistas.

Anónimo disse...

Era de prever que uma coisa destas se iria prever....

FM

Anónimo disse...

È preciso imaginação e rigor na gestão do grupo FCP, pois esta crise vai levar anos a ser ultrapassada.

CAROLINA OLIVEIRA disse...

EU ACHO QUE O FACTO DESTAS CONTAS APRESENTAREM PREJUÍZO TEM HAVER COM A FALTA DE PÚBLICO NO ESTÁDIO DO DRAGÃO....

Paulo Moreira disse...

Nos tempos que correm é preciso fazer muitos malabarismos para apagar todos os fogos.
Acredito e confio na direcção do clube que sempre manteve os pés assentes no chão e nunca entrou em loucuras.
Também acho que não se deve vender ao desbarato só porque agora as coisas estão mais dificeis, mas também é preciso começar a não contratar à toa e se calhar começar a apostar mais nos da casa.

Rui disse...

É melhorar....

Duarte disse...

Não sou especialista em finanças e em economia. De qualquer modo, e respondendo às questões que o Tiago coloca, creio que foram feitas boas escolhas no campo puramente desportivo. De facto, termos baixado a massa salarial e acabado com a política de empréstimos de batalhões de atletas deve ajudar à adaptação que tem de ser feita aos novos tempos.

Posto isto, há áreas cada vez mais fundamentais para a gestão dos clubes de futebol e nas quais o FC Porto falha redondamente. Estou a falar da comunicação, do marketing, do merchandising, dos serviços, de tudo aquilo que é extra-futebol e que serve para valorizar a marca do clube no exterior. No post anterior, o Jorge Aragão deu a ideia de fazermos uma digressão à Colômbia com o propósito de divulgar ainda mais a marca FC Porto, usando a nossa dupla maravilha (James & Jackson). Na verdade, isso poderia/deveria ter sido feito a seguir ao final da época de Dublin. O Atl. de Madrid fê-lo no ano passado e foi precisamente graças aos ganhos dessa digressão, aliada também a uma política de venda de jogadores excedentários (Salvio, por exemplo), que lhes foi possível manter o Falcao para esta época. A ideia do Jorge Aragão parece-me excelente, mas tenho sérias dúvidas que essa hipótese esteja a ser posta pela direcção.

Isto é só um exemplo, mas há muito mais coisas. Como é que se explica que um jogo da selecção com a modesta Irlanda do Norte tenha praticamente enchido o Dragão e os encontros do Porto com PSG e SCP não tenham chegado às 40 mil pessoas? Simples, com imaginação do departamento de marketing da FPF e falta de criatividade do nosso. Tanto quanto sei houve uma parceria da federação com o Continente que pode ajudar a explicar isto, ok. Mas por que não tentamos nós ter iniciativas do género?

A venda de camisolas resulta em grande medida do desempenho desportivo da equipa e, mais concretamente, do jogador A, B ou C. Certo, mas por que é que não há promoções para venda de produtos do clube pontualmente? Por que não se têm mais iniciativas como aquela que levou Iturbe e Lucho à Loja Azul do Norte Shopping? Por que é que os jogadores do Porto já não são apresentados aos sócios e à imprensa quando são contratados (algo que acontece em todos os clubes do mundo)?

Salvo erro, a 29 do mês passado, o Porto Canal ia apresentar uma nova grelha de programação. Até agora continuamos só com o Flash Porto e a análise que faço é que, do ponto de vista comercial, o Porto Canal de pouco ou nada tem servido à marca do clube.

Não quero misturar alhos com bogalhos. O que pretendo afirmar é que desportivamente continuamos a exibir uma qualidade acima da média: dentro dos relvados, com maturidade e qualidade futebolística, e fora deles, com uma estrutura e organização de top. No entanto, há outras coisas que também contam, que podem trazer dividendos e que me parece serem completamente descuradas. E são estas coisas que referi que podem e devem servir como complemento à gestão desportiva do clube.

Duarte disse...

PS: É conveniente dizer que este relatório espelha também as perdas de receitas da UEFA. Isto é algo que, tendo em conta a boa campanha que estamos a fazer na Champions, será em princípio revertido no próximo relatório de contas.

marujo88 disse...

Não percebo nada de contabilidade, mas confio em quem está à frente do nosso clube, mas também acho que há muitas coisas que poderiam ser feitas,como por exemplo vender bilhetes a preços muito baixos a sócios, que levem outra pessoa com eles,por exemplo: esposa, namorada, um amigo/a,principalmente naqueles jogos que à partida vão ter menos público, com equipas consideradas mais fracas. Também acho que o Porto Canal, devia publicitar mais o clube,acompanhar a vida do clube,falar mais daquilo que se faz, por exemplo dar mais tempo às modalidades amadorados,limitam-se a dar as noticias a correr, ainda outro dia foi ver os sub-20 à Maia em andebol e nem sequer foi noticiado no Porto Canal,penso que há muita coisa que devia ser falado nesse canal, senão para que serve? Para fazer concorrência à tv comercial? Para ir lá o CAAmorim, e outros traidores?
Um Abraço
manuel moutinho

Anónimo disse...

.

Meus caros portistas,

Vamos lá ver.

Não sou perito, expert em contas. Não sou TOC, nem Guarda-livros...

Mas umas coisas eu sei e qualquer um também sabe....


1. A FCP SAD apresentou prejuizos para não ter de pagar tantos Impostos.

2. A FCP SAD apresentou prejuizos porque não manipula nem maquilha, nem adultera as contas com vendas ficticias.

3. A FCP SAD apresentou prejuizos, porque não coloca o Estádio em seu nome como outros fazem para enganar...

4. A FCP SAD já no 1º Trimeste da Nova Época irá apresentar lucros...

5. A FCP SAD não teve a sorte de contra o Zénit por ex., o FCP ter merecido ganhar por 5-0... mas, ter empatado 0-0 na LC de 2012. Bastava ter ganho 1-0 e seria 1º de Grupo, seriam logo mais 15/20 milhões a mais!!!

Só mesmo quem estiver distraido não repara nesses pormenores e pormaiores.

6. Neste Exercicio houve muitos Investimentos... só o Danilo custou 13 + 4 Milhões que foram mesmo declarados. Não foram escondidos como outros fazem!!!

7. Para finalizar...

O Passivo do FCP no Total é de cerca de 245 Milhões - Clube + SAD. Outros passam já dos 600 Milhões Clube + SAD... OK?!!!

Ou é preciso fazer um desenho?

Agora que é preciso atenção e contenção nas contas. É!!

Mas não somos nós simples adeptos que vamos querer ensinar a missa ao padre !!!

Cumptos
Somos Porto
A Caminho do Tri

M P Pinto
Vila da Feira

Anónimo disse...

No minimo preocupante. Devemos ser sérios e analisar contas e só contas. Passivo em qualquer empresa é preocupante. Negócio e as SAD são negócio, são ,para dar lucro. Ponto final. Os tempos que se aproximam são muito preocupantes para todo e qualquer negócio. Vejamos que fecham dezenas de empresas média e pequenas por mês. As grandes empresas em Portugal, estão a fazer grandes estruturações, quer sejam financeiras quer sejam em recursos humanos. E o futebol, não pode fugir aos tempos conturbados que vamos ter. Eu, vivendo com alguma qualidade, vou de certeza deixar de lado alguns prazeres que tenho. Um deles é ir menos vezes ao futebol. Vejo em casa. Como eu , muitos o vâo fazer. E os espectadores nos campos de futebol, têm diminuido a olhos vistos. Basta ver o ultimo jogo com o PSG , onde se viam nas centrais algumas ( grandes ) clareiras. Agora as contas. Uma empresa vive de resultados. Passivo versus activo. Nas SAD o passivo divide-se resumidamente em curto, médio e longo prazo. E estes, são a fornecedors, accionistas , publico ( emprestimos obrigacionitas com taxas tentadoras ) e banca, quer sjam juros, quer sejam garantias bancárias ( crédito por assinatura). Depois temos os activos, quer seja imobiliario ( estádio, imóveis etc ) e vamos dizer o mobiliário, embora aqui possamos ter várias nuances. E este são principalmente os jogadores. Mas este activo, é um bocado fictício. Pois o valor em contas de um jogador, pode-se alterar em funcão de vários acontecimentos. Lesões e mercado. assim, penso que qulaquer clube nos próximos tempos tem que baixar responsabilidades a niveis de remunerações ( e o F C Porto tem folha salarial bastante alta). Porque é que a administração é remunerada ( e bem remunerada) e os nossos rivais não o fazem. E isto atendendo ao fornecido a CMVM nos relatórios de contas. Depois temos que ser correctos, quando o nosso passivo é inferior ao do Benfica e Sporting. O Sporting, face ao que se sabe, vai ter que arrepiar muito ( mas muito ) caminho, pois está sujeito a uma situação de insolvencia a muito curto prazo. Todavia ter em atenção que quer o Sporting quer o Benfica, nos seus passivos têm os centros de estágios que são propriedade deles, enquanto o F C Porto paga 500 euros pelo Olival, que lhe foi colocado em bandeja de prata pela câmara municipal de Gaia. E o Benfica, tem uma massa critica muito grande. Quer sócios, quer adeptos, o que leva a resultados muito agradáveis em merchandaising, bilhética, publicidade ( parece que o estádio vai mudar de nome ) ver viagem ao Dubai. E é preocupante para mim, a pujança do Benfica nas chamadas amadoras, quando o F C Porto acabou com o Basquetebol. Nós somos o maior clube português em futebol, mas o Benfica é o maior clube portugues na acepção da palavra É competitivo em todas as modelidades. Portanto, nos tempos que se aproximam, tem que haver RAZÃO na gestão das SAD e não CORAÇÃO na mesma gestão. A fuga para a frente, seja ela por maus resultados e pressao da massa associativa, levando a loucuras, isso ACABOU. Gestão rigorosa e pensar que o meu clube TEM QUE FAZER O MESMO QUE EU FAÇO: CONTENÇÃO DE CUSTOS. Não posso exigir que gastem sem o poder fazer, quando eu não o faço.

Anónimo disse...

O anónimo que se apresenta em cima do meu comentário é mouro?

Joao Goncalves disse...

Oh Portistas do porto o Hulk e o Álvaro Pereira assim como o Guarin não entram já porque foram vendas efectuadas fora do tempo considerado para as contas do 3º trimestre por isso entram nas do 4º trimestre.

Nada tem a haver com a recepção parcelar dos valores decorrentes das vendas.

Em relação ao post em si, como qualquer portista estou preocupado pois até na nossa casa andamos sempre preocupados com estas situações de dividas ou não dívidas... contudo, o saldo negativo constante que temos tido é essencialmente para sermos competitivos e se não o tivéssemos então nem a nível interno conseguiamos ter sucesso quanto mais ganhar ligas Europas e afins.

No Entanto os 61M que estão a faltar neste relatório (tirando as comissões e etc...) vão novamente reequilibrar as contas anuais e vamos acabar com lucro.

É suficiente? não sei mas este ano com a limpeza que fizemos nos emprestados e de jogadores de alto perfil que ganhavam bastante e a aposta para a juventude nas segundas linhas, penso que as custos com o pessoal vão descer drasticamente é exactamente aì onde temos mais margem de manobra para mexer.

Anónimo disse...

Sinais dos tempos, a crise chegou a todo o lado. Neste momento não estou muito preocupado com este prejuízo, porque como já foi dito no post ainda falta entrar as vendas de Hulk e Alvaro Pereira. O deslize da época passa na competição europeia foi desastrosa para os cofres do FCP, talvez este ano as coisas melhorem.
Uma coisa é certa, o FCP tem que ter olho para jogadores jovens com talento e depois de passarem pelas nossas oficinas vender, é a política do FCP, e que está certa.
Agora srs administradores da SAD do FCP, estamos em época de vacas magras, têm que se sacrificar um pouco, e cortar em certas mordomias.

Vejam quanto não devem os clubes dos Garnisés Vermelhos e dos Gatos Verdes! esses estão falidos, isto para não falarmos dos restantes clubes, esse vivem de esmolas.

O PORTO É GRANDE, VIVA O PORTO.

Foreval (Alemanha) disse...

"ALUSÃO DOS DEPOIMENTOS..."

Questionamos sobre o défice, argumentamos causas, propalamos
ideias... tudo bem. Mas não estamos por dentro dos problemas e das soluções e prespectivas vindouras... SÓ A "SAD SABE" CONTORNAR, EQUILIBRAR E SOLIDIFICAR AS CONTAS e aqui é que está o cerne da questão.
A "SAD" É COMPETENTE E FAZ
CONTAS... e no meu ver, no próximo
ano as mesmas estarão equilibradas. Investiu-se e bem em
jogadores de qualidade e venderam-se alguns excedentários...
esta é a função que ditará (e garantirá) a manutenção e o sucesso do Clube.
No ano passado as receitas da Champions ficaram além das previsões,mas em compensação nesta época vamos bem lançados e podemos
usuferir lucros significativos.
- Caros portistas, o sucesso tem o seu preço, os seus precalços, as
suas vicissitudes... no final
somos (como nos últimos anos), um
CLUBE VENCEDOR (o TRI está à vista)
e CONTINUAREMOS A SER A MELHOR EQUIPA A NÍVEL NACIONAL.
Em suma, CONFIEM NA SAD e não
teçam ilações surriais... pois,
como diz o povo: é muito bom dizer,
mas difícil é fazer.

Anónimo disse...

O preocupante deste relatório, é o emprestimo obrigacionista que vai ser feito MAS PARA SER LIQUIDADO A LONGO PRAZO, e o passivo remunerado. Valor de HULK e Alvaro Pereira não dá para regularizar os quase 36 milhoes pois havia percentagns dos passes que não pertenciam ao FCPorto. Para mim o que mais me assusta, são os dias que aí vêm. Povo sem dinheiro deixa de gastar no futebol, quer seja em merchandaising, quer seja em (mais preocupante ) em bilheteira )

Hugo disse...

Sem entrar em alarmismos, digo que as contas são preocupantes e a situação financeira é bastante negativa.
O resultado líquido piorou consideravelmente e o cash-flow também baixou, embora se tenha mantido ainda positivo.
Há que seguir o rumo deste defeso, onde já se não se cometeram as loucuras do passado e apenas se pagou uma verba considerável pelo Jackson Martinez, que a tem justificado.
Vejo com agrado que os custos com o pessoal diminuiram e espero que essa tendência seja para manter.
Em Janeiro, deve-se contratar apenas caso apareça uma boa oportunidade de negócio e tentar fazer dinheiro com o Rolando,Fucile ou Souza.

Anónimo disse...

Essa do Hulk e do Álvaro Pereira não entrar já nao peguem...

No ano passado também não foi vendido o falcão por 40 milhões e agora mais 7? Esses 47 milhões não entrarm no exercício?

O Mágico disse...

Subscrevo tudo o que foi dito pelo duarte...o Porto depende excessivamente da venda jogadores,todos os anos o Porto tem um deficit de 30 a 40 milhões de euros para tapar que tem vindo a ser tapado com a venda de jogadores,mas vai haver o dia em que isso nao vai ser fácil.
O Porto tem que apostar na sua marca,a política de comunicação e promoção da marca Porto e uma piada,quando o Porto e um clube de dimensão europeia e mundial,porque nao como disse o Duarte fazer torneios como o real Madrid ou o barca fazem para promover a marca Porto fora de Portugal ?Colômbia,argentina,Brasil,México,Venezuela etc!ou mesmo China ou EUA !o Porto nao pode só estar circunscrito ao pequeno mercado e somos,senão vai andar toda a vida nisto,sempre a espera de vender jogadores para ter receitas!nao pode ser!

O Porto canal tem sido uma desilusão !nem um programa que por exemplo retrate a historia do clube,como por exemplo vejo em canais de grandes clubes europeus,como barca e real!Foi uma verdadeira desilusão ,vê se mais programas de de culinária e de noticias do dia a dia do que do fc Porto !

O Mágico disse...

E e bom que se diga que provavelmente o rolando,kleber e porque nao fucile e Souza tem grandes possibilidades de serem negociados por verbas muito interessantes no mÊs de Janeiro,o Porto praticamente nao tem jogadores emprestados tirando estes,tem mais o djalma e o Walter e muito pouco mais