quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

F.C.Porto 1-0 Estoril. Varela V de Vitória


FC Porto 1-0 GD Estoril Praia

Taça da Liga 2011/12, Grupo D, 2ª jornada
18 de Janeiro de 2012.
Estádio do Dragão, no Porto.
Assistência: 15.819 espectadores.


Árbitro: André Gralha (Santarém).
Árbitros assistentes: Bruno Silva e Pedro Neves.
Quarto árbitro: Rui Patrício.

FC PORTO: Bracali; Maicon, Otamendi, Mangala e Alvaro; Souza, João Moutinho (cap.) e Defour; Varela, Kléber e James.
Substituições: Souza por Rodríguez (66), James por Belluschi (73), Defour por Iturbe (78).
Não utilizados: Kadu, Fernando, Tiago Ferreira e Vion.
Treinador: Vítor Pereira.

ESTORIL: Vagner (cap.); Moreno, Bruno Nascimento, Steven Vitória e Tinoco; Erick, Bruno di Paula e Diogo Amado; Moreira, Carlos Eduardo e Gerso.
Substituições: Bruno di Paula por Licá (60), Tino por Anderson Luís (67), Carlos Eduardo por Adilson (74).
Não utilizados: Mário Matos, Rodrigo Dantas, Gonçalo e Alexandre Hauw.
Treinador: Fabiano Soares.

Ao intervalo: 0-0.

Marcadores: Varela (65).

Cartão amarelo: Moreno (36), Otamendi (54), Diogo Amado (61), Tinoco (62), Souza (63), Adilson (76) e Gerso (86).

Depois de ter vencido o Paços de Ferreira por 2-1 na primeira jornada da competição organizada pela Liga de Clubes, o FC Porto venceu, esta quarta-feira, o Estoril-Praia por 1-0 na segunda jornada do Grupo D Taça da Liga, que se disputou no Estádio do Dragão.

Para este desafio, Vítor Pereira apostou em Bracali na baliza, Mangala no centro da defesa e Souza no meio-campo.
A primeira parte mostrou um FC Porto perdulário. Muitas oportunidades de golo na área do Estoril mas os avançados James e Kléber deixaram a inspiração e a técnica necessária no balneário. Destaque para o remate de João Moutinho, que regressou depois de ter cumprido um jogo de castigo, ao ferro na conversão de um livre directo aos 37 minutos.

Ao intervalo era evidente a superioridade do FC Porto: 19 ataques contra os cinco do Estoril.

O segundo tempo começou com uma grande oportunidade para os azuis e brancos mas o guarda-redes Vagner impediu, com os pés, o golo a Kléber.

Aos 65 minutos de jogo, e depois de muita insistência, chegou o golo portista através dos pés de Silvestre Varela. O avançado português rematou rasteiro de longe e conseguiu bater o guardião do Estoril.

Antes do único golo dos azuis e brancos, James tinha enviado uma bola ao poste na cobrança de um livre direto. Depois, o colombiano acabou por ser substituído por Belluschi.

Com esta vitória, o FC Porto amealha 6 pontos e coloca-se na liderança do Grupo D, e bem posicionado para seguir em frente na prova. Na terceira e última jornada da fase de grupos, os Dragões recebem o Vitória de Setúbal.




DECLARAÇÕES

Vítor Pereira: "Fizemos um jogo sério"

O resultado serviu os interesses do FC Porto, mas o que achou da exibição?
Procurámos circular a bola e encontrar os espaços, contra uma equipa bem organizada, fechada e com as linhas muito próximas. Tentámos chegar ao golo com cruzamentos, remates exteriores e combinações no corredor central, mas o golo foi tardando e o Estoril foi ganhando confiança. Nunca permitimos grandes transições ofensivas ao adversário, recordo-me apenas de uma oportunidade de golo, mesmo no final. Penso que fizemos um jogo sério.

Ainda está a pensar nesse último lance, em que o Estoril quase marcava?
Não. É preciso ter mérito para, durante os 90 minutos mais o tempo de compensação, permitirmos uma única oportunidade ao adversário. Tivemos mais situações para concretizar, mas não conseguimos. Se tivesse acontecido golo do Estoril, era futebol.

Esperava mais de cada jogador? Sentiu algumas reacções negativas dos adeptos?
Vi a massa associativa do nosso lado. Não tive essa percepção durante o jogo, lamento.

O que lhe pareceu a exibição de Varela?
Penso que fez um belíssimo jogo. É um jogador de qualidade e com o qual contamos muito nesta segunda metade da época.

Estando a um ponto do apuramento para as meias-finais, a Taça da Liga passa a ser uma prioridade?
Não substituímos a Liga ou a Taça de Portugal pela Taça da Liga. Estamos aqui para ganhar sempre e é assim que este grande clube tem de jogar.

3 comentários:

Anónimo disse...

Justa vitória!

Anónimo disse...

SOMOS PORTOOOOOO!

Tudo Sobre Futebol disse...

Bom jogo do Futebol Clube do Porto que podia ter resultado em mais golos.

abraço e visitem:

http://tudo-sobre-futebol07.blogspot.com/