domingo, 26 de setembro de 2010

E lá somámos a 10ª vitória consecutiva... F.C.Porto 2-0 Olhanense


assistência: 35.430 espectadores.

árbitros: Marco Ferreira (Madeira), Sérgio Serrão e Álvaro Mesquita; 4º Árbitro: Rui Fernandes.

FC PORTO: Helton «cap.»; Fucile, Rolando, Otamendi e Alvaro; Fernando, Belluschi e João Moutinho; Hulk, Falcao e Varela.
Substituições: Hulk por Rúben Micael (68m), Falcao por Walter (76m) e Belluschi por Souza (82m).
Não utilizados: Beto, Maicon, Rafa e Ukra.
Treinador: André Villas-Boas.

SC OLHANENSE: Moretto; João Gonçalves, Maurício, Jardel e Carlos Fernandes; Fernando Alexandre e Delson; Jorge Gonçalves, Vinicius e Paulo Sérgio; Djalmir «cap.».
Substituições: Delson por Lulinha (46m), Djalmir por Adilson (77m) e Vinicius por Ismaily (77m).
Não utilizados: Ricardo Batista, Toy, Rui Duarte e Mexer.
Treinador: Daúto Faquirá.

Marcadores: Otamendi (23m), Hulk (45m) .

Disciplina: cartão amarelo a Delson (26m), Vinicius (50m), Alvaro (64m), Hulk (67m), Djalmir (73m), Carlos Fernandes (81m).

Décimo triunfo consecutivo do FC Porto ao bater o Olhanense por 2-0, em jogo da sexta jornada da I Liga. Otamendi inaugurou o marcador e Hulk ampliou, ambos no primeiro tempo.

Seis vitórias na I Liga, três na Liga Europa e uma na Supertaça. Para já, este é o histórico da equipa comandada por André Villas-Boas.

Uma grande noite para Otamendi, que além de se estrear a titular abriu o marcador no Estádio do Dragão. O defesa central roubou o lugar de Maicon e, aos 23 minutos, viu-se a marcar o primeiro golo da equipa azul e branca. Depois de um remate cruzado da direita de Hulk, Moretto não segurou a bola e Otamendi, sozinho, só teve de encostar e ouvir os gritos dos adeptos no Estádio do Dragão.

O FC Porto já tinha colocado a bola dentro da baliza de Moretto, logo aos 3 minutos, numa boa combinação entre Hulk e Falcao, mas o árbitro assinalou posição irregular ao brasileiro.

Durante toda a primeira parte, a equipa azul e branca “arrendou” a área algarvia, dominando completamente o desafio. Aos algarvios restava-lhes defender com muitos jogadores.

A um minuto de terminar o primeiro tempo, Hulk, num grande arranque, percorreu meio relvado em excesso de velocidade, deixando a concorrência para trás, e marcou tranquilamente o segundo golo para os líderes do campeonato.

O brasileiro fez o quinto golo no campeonato, ostentando o título de melhor marcador da I Liga.

Na segunda parte, o jogo ficou mais equilibrado mas com a balança a pesar ligeiramente para a equipa da casa no que toca a oportunidades de golo.

O Olhanense teve ainda duas boas oportunidades para mexer o marcador mas a eficácia algarvia teimava em não aparecer.

Por falar em ineficácia, Falcao, um “matador” nato, esteve claramente em "dia não". O colombiano desperdiçou inúmeras oportunidades, o que levou o técnico Villas-Boas substituir o número 9 por Walter.

Mais três pontos para o Dragão, que já amealha 18 pontos em seis jogos, continuando invicto na I Liga.

DECLARAÇÕES NO FINAL DA PARTIDA

André Villas-Boas: «Agora temos uma deslocação problemática a Guimarães, mas queremos continuar o nosso percurso. Teremos pouco tempo para descansar depois do jogo europeu, que também queremos vencer para fazer seis pontos e, se o Besiktas ganhar, emparelhar o grupo. O 3-0 neste jogo traria a tranquilidade absoluta. Fica uma boa primeira parte de registo e agora temos de recuperar. Mais importante do que os elogios é o rendimento colectivo. O nome Porto envolve mais gente que o treinador. Envolve jogadores, estrutura e presidente.»

Otamendi: «Foi importante jogar e marcar. O grupo está unido e pensa em ganhar jogo a jogo. Queremos somar pontos. Foi lindo jogar e marcar. Senti o apoio dos companheiros desde que cheguei. Este é um clube importante. Dia a dia vou ficando melhor. Temos de pensar e continuar a ganhar os nossos jogos. O importante é ter tranquilidade e saber que quem jogar fará sempre o melhor. Pensamos de forma colectiva para somar vitórias.»

17 comentários:

Anónimo disse...

Este Porto dá gosto ver jogar! Parabéns às pessoas que trabalham diariamente no clube, montaram uma equipa fantástica! :D Este ano a continuar assim ganhamos TUDO!

Anónimo disse...

grande otamendi, a sua estreia vai ser saboreada 5 estrelas!!!!
abraço

Dragus Invictus disse...

Olá boa tarde,

Ontem entramos muito bem no jogo, a pressionar alto, a circular rapidamente a bola, e foi com naturalidade que chegamos ao primeiro golo e depois ao segundo a fechar a primeira parte.
Hulk e Varela foram sempre uma seta apontada à baliza de Moretto.
A Olhanense não conseguia sair de trás por força da nossa capacidade de pressão.
Moutinho e Fernando fizeram um excelente jogo.
Na segunda parte com o resultado feito e tirámos o pé do acelerador, e controlamos sempre a Olhanense mentalizada com a derrota, que apenas fez um remate ao minuto 90.
Destaque para as excelentes exibições de Moutinho e Fernando, para Hulk que é um portento de força.
Nota ainda para Otamendi, que ontem demonstrou que tem capacidade de liderança da defesa. Muitas vezes o vimos a falar com os colegas na coordenação defensiva. O facto de ter capitão no clube anterior dá-lhe essa experiência de liderança.
É nitidamente um central de marcação, bem mais agressivo que Maicon ou Rolando.
Agora temos a liga Europa, e depois é importante vencer o Guimarães antes da paragem do campeonato.
Se ganharmos em Guimarães teremos a possibilidade de quando recebermos o Benfica ampliar a distância pontual.

Abraço e bom domingo

Paulo

pronunciadodragao.blogspot.com

João Manuel Couto disse...

Boa Tarde,
Belo Jogo. A primeira parte foi espectacular, uma exibição estrondosa por assim dizer, uma segunda parte "dorminhoca".
Destaque para a estreia de Otamendi com um golo.
Abraço de
J. Manuel Couto

Remente FCP disse...

Eu acho que os espectadores merecem ver futebol empenhado do 1º. ao último minuto, por isso é que também não pagam meio bilhete.

Contudo, é compreensível a contenção que se verificou na 2ª parte, da qual, mesmo assim, não desgostei.

Armando da Rocha disse...

Adorei este porto, espectacular!

Paulo Moreira disse...

Foi uma vitória normal e esperada. A primeira parte foi muito boa mas a segunda já deu vontade de dormir.
Gostei do Otamendi. Pelo que fez ontem acho que não vai demorar a ser um dos titulares.

Abraço

Portucalense disse...

......Madaíl, que anteontem afirmou não ver qualquer "razão para se recandidatar" - diferente de dizer que está fora da corrida -, é o candidato natural da grande maioria das associações (ainda detêm 55% dos votos). O ex-governador civil de Aveiro tem ainda o apoio de figuras da área empresarial, política e desportiva.

A decisão final de Gilberto Madaíl só deverá ser anunciada após a entrega da organização do Mundial 2018/2022

Fernando Seara, presidente da Câmara de Sintra, é actualmente o "pseudo"-candidato melhor colocado. Tem o apoio do Benfica, Madaíl não negaria integrar a sua lista na Assembleia geral, e já tem quem lhe "trate" da imagem e comunicação. E ao lado de Seara poderá aparecer Luís Duque, ex-dirigente do Sporting.

Sabe o DN, que há duas semanas, antes do jogo da Champions Benfica-Hapoel, Luís Filipe Vieira, juntou à mesma mesa algumas associações (entre elas Algarve, Viana do Castelo, Castelo Branco, Aveiro, Santarém e Funchal ), um vice-presidente do clube (Rui Gomes da Silva), Fernando Seara e João Rodrigues (conselheiro de Madaíl). Um encontro que não foi oficializado como de preparação da candidatura de Seara, mas que para as associações foi encarado com esse objectivo. Contudo, o presidente da Câmara de Sintra não é bem visto pelas associações distritais, face ao contributo que deu para a elaboração do novo Regime Jurídico das Federações.

Se Madaíl não avançar e abrir o caminho para Seara, quem fica fora da corrida é Carlos Ribeiro. O presidente da Associação de Lisboa, que tem o apoio das associações mais representativas (como Porto e Braga), não se assumirá como adversário do candidato apoiado pelo Benfica, o maior clube da sua associação.

Outro homem com ligações ao futebol e à política, Hermínio Loureiro tem ambições ao cargo, mas só deverá tentar abraçar o projecto Federação a médio prazo.

António Laranjo, director de torneio do Europeu 2004 foge a todas estas contas. Não é um homem do futebol, mas o seu nome reúne grande consenso. Tem o apoio político, é admirado pelos clubes e, sobretudo, por Madaíl.

in DN


Não esquecer de modo nenhum que brevemente pelo novo Regime Juridico a ARBITRAGEM e DISCIPLINA passa para a FPF........

Artigosonline/ana disse...

Caro Tiago,
Uma Vitória Tranquila
Não foi um jogo brilhante, foi aceitável, com uma primeira parte melhor que a segunda, e dois golos, ambos no primeiro tempo
Aqueles que tanto criticam o FC Porto, já deviam saber que a melhor resposta é dada dentro de campo, e que quanto mais criticam, mais forte fica o FC Porto. Por isso, caso queiram continuar a criticar, então força nisso, que dentro do campo os jogadores azuis e brancos respondem. Agora, agradecíamos imenso que criticassem com nexo, não com fantasias.

Força FC Porto!

Cumprimentos

Ana Andrade

www.portistaacemporcento.blogspot.com
www.artigosonlineanaandrade.blogspot.com

Silvestre disse...

Boa tarde

Sem espinhas, soma e segue e deixai carpir as damas ofendidas. O FCP está acima de tudo e todos.
Ah, estou cada vez mais acagaçado de olhar para baixo e vê-los tão longe !!!!

Deacon Blue disse...

apenas para acrescentar que o Hulk devia de levar um tratamento mais intenso no que concerne a lidar com os colegas dentro de campo (ex. ontem com Belushi em ficou mal na foto, por muita razão que tivesse) e que os permanentes protestos e a forma como o faz com os arbitros não condiz com o seu nivel e capacidade futebolistica.

Jorge Aragão disse...

Um bom jogo na parte inicial, quanto baste na segunda. o que foi pena pois poderiamos ter goleado uma equipa que não queria perder por muitos.
Otamendi não teve muito trabalho mas vê-se que sabe jogar, espero que o treinador tenha explicado bem a situação ao Maicon que tem vindo a jogar bem.
Destaco Hulk e Moutinho, Fernando abaixo do que pode, sobretudo no passe, aspecto em que toda a equipa tem de melhorar.
Falcao está a precisar de marcar, as coisas na finalização não lhe saem mas também não aparecem bolas na área em quantidade para a ratice dele.
Agora é preparar bem os dois jogos que aí vem...

Papataças disse...

Boa Tarde,
Grande exibição, adorei, tenho a certeza que temos um treinador espectacular, rumo à vitória!

Anónimo disse...

dá para entender o relaxamento na 2ª parte, temos um jogo internacional na quinta feira, e a viagem para o Leste da Europa é desgastante, portanto tinhamos de poupar esforços.
O que é interessa é a vitória hoje alcançada e mais 3 pontos.

Gaspar Lança disse...

Mais uma vitória, mais um jogo controlado. São já 10 as vitórias consecutivas em outros tantos jogos oficiais, e esperemos que continuemos a aumentar esta brilhante marca.

Um abraço

P. Ungaro disse...

Infelizmente não pude ver o jogo, voltei os velhos tempos em que não havia transmições televisivas e ouvi o relato pela radio.
Ao contrario do que tem sido habitual a segunda parte foi inferior a primeira, se por um lado se entende a gestão de esforço, do nosso lado, os adeptos, queremos sempre a equipa em alta rotação.
Otamendi não podia pedir melhor estreia, Moutinho com muita dinamica e Fernando o Polvo (não o da fpf) são os meus destaques.

Um abraço

http://www.fcportonoticias-dodragao.blogspot.com/

ultrafcporto disse...

Caro portista,
Uma excelente 1ª parte, na 2ª parte foi para gerir o resultado. Valeu por a estreia do central Otammendi e não poderisa ser da melhor maneira, marcando um golo.

Cumprimentos,
ultrafcporto